Prefeitura lança no fim do mês programa Casa de Verdade

Cerca de 500 casas serão construídas no bairro Evelina Nour 3

A Prefeitura Municipal de Catalão, através das secretarias de Habitação, de Promoção e Ação Social e de Assuntos Comunitários vai lançar no dia 20 de novembro o programa habitacional Casa de Verdade, que vai beneficiar os catalanos facilitando a conquista da sonhada casa própria.

O programa Casa de Verdade é realizado pelo município juntamente com a Caixa e a construtora Castro Viejo. O objetivo é oferecer dignidade aos catalanos que desejam sair de vez do aluguel e ter uma moradia própria. Assim, o programa vai oferecer facilidades para a realização deste sonho. 

Segundo o secretário de Habitação, Gilmar Neto, a expectativa é pela construção de cerca de 500 imóveis no valor de aproximadamente R$100 mil. “Os participantes do programa terão prestações com valores mais baixos, subsídio de até 27% por parte do Governo Federal, subsídio de R$10 mil pela parceria do município com a Agência Goiana de Habitação (Agehab) e a empresa construtora Castro Viejo”, disse.

O programa habitacional é destinado às pessoas com renda familiar entre R$1200 e R$2600. Dentre as regras, os interessados não podem ter restrição no Serasa e não podem ter imóvel financiado.

“Estamos muito felizes com esse programa habitacional.  Reforçamos que não haverá sorteio e todos os critérios de avaliação serão realizados pela Caixa, com bastante rigor”, disse a secretária de Promoção e Ação Social, Adriete Elias.

O prazo para a inscrição no programa Casa de Verdade vai de 20/11 a 20/12 e deve ser feito na Secretaria de Habitação, onde os interessados poderão pegar a lista de documentos necessários.

A Secretaria de Habitação fica na av. 20 de Agosto nº 45, centro.

Veja lista de documentos necessários para o financiamento habitacional:

1-Certidão Negativa – Receita Federal - www.receita.fazenda.gov.br;

2-Certidão Negativa de Tributos Estaduais – SEFAZ/GO – www.sefaz.go.gov.br

3-Certidão Negativa de Tributos Municipais;

4-Carteira de Identidade (cópia autenticada – cartório);

5-Cadastro de Pessoa Física – CPF (cópia autenticada- cartório);

6- Certidão de Nascimento ou Certidão de Casamento (cópia autenticada – cartório);

7-Comprovante de renda: R$1200 até R$2600 – dos últimos três meses;

8-Declaração de Imposto de Renda (para quem tem obrigatoriedade de declarar) original e cópia;

9- Declaração de Isenção do Imposto de Renda;

10-Declaração Negativa de Propriedade e Destinação de Imóvel;

11-Carteira de Trabalho (cópia autenticada) das folhas: identificação –frente e verso;

11.1-Contrato de trabalho;

11.2- Opção pelo FGTS;

11.3- PIS/Pasep;

12- Comprovante de residência: contrato de aluguel, ou contas de água, luz telefone (cópia autenticada)

12.1- Declaração do empregador informando o endereço (rua, bairro, município) do local onde o trabalhador exerce sua ocupação principal (emprego), bem como o endereço residencial (original).