Prefeitura anuncia liberação de R$20 milhões para canalização do Córrego Pirapitinga

A Prefeitura Municipal de Catalão anunciou a realização de uma das mais importantes obras para a cidade: a canalização do Córrego Pirapitinga. O anúncio de que a verba foi finalmente liberada pelo Ministério da Integração Nacional aconteceu nesta terça-feira (14/11), no bairro Margon, com a presença do prefeito de Catalão, Adib Elias (PMDB), secretários e vereadores.

A obra orçada em cerca de R$20mi foi liberada pelo Ministério da Integração Nacional. O projeto implica na continuação da av. Raulina Fonseca Paschoal, na altura do bairro Margon, com a canalização do córrego, construção de duas pontes respeitando as adequações de acessibilidade ao longo da via. O prefeito, Adib Elias anunciou que o lançamento oficial da obra será no fim do mês, com a presença do ministro Elder Barbalho e lembrou o esforço para esta conquista.

“Essa obra da canalização do Córrego Pirapitinga é esperada há 40 anos pela população.  Fizemos a urbanização de praticamente toda a av. Raulina, canalizamos em 2003 e faltava essa parte. Foi uma luta árdua desde novembro do ano passado, quando ganhei a eleição em Catalão, foram inúmeros contatos e, com isso, conseguimos a liberação de 20 milhões de reais, e mais a participação da prefeitura, para construirmos a melhor e mais bonita obra para nossa cidade. Esperamos que no início de janeiro possamos iniciar os trabalhos”, disse o prefeito.  

O secretário de comunicação, Cairo Batista explicou que este não era é um lançamento oficial, mas que a notícia é tão importante que merecia ser apreciada. “O ano foi de muita dificuldade, e agora uma das obras mais esperadas pela população de Catalão vai começar. Esse é o pontapé inicial de um grande presente de Natal que a população está ganhando”, disse.

Para o secretário de Obras, Leonardo Martins, a expectativa é que os trabalhos comecem no início de 2018. “Este é o primeiro empenho da obra, fruto da parceria da prefeitura com o Ministério da Integração Nacional. Agora, abriremos espaço para o processo de licitação e depois iniciaremos a obra”, finalizou.