Curso de Medicina da UFG-Catalão é autorizado pelo MEC

O prefeito de Catalão, Adib Elias (PMDB), o ex-prefeito Haley Margon, o senador Ronaldo Caiado (DEM) e deputados goianos participaram na terça-feira (05) no Ministério da Educação, em Brasília, da solenidade de autorização do curso de Medicina, para a Universidade Federal de Goiás (UFG) Campus Catalão, na presença do ministro da Educação, Mendonça Filho.

“Gostaria de dizer que este é um momento histórico. Catalão é uma das mais importantes cidades de todo o interior brasileiro. É um momento de agradecimento ao ministro Mendonça Filho, ao senador Ronaldo Caiado, ao ex-prefeito Haley Margon e a todos os deputados, que se empenharam na confecção de uma obra tão importante como é a escola de medicina na cidade de Catalão”, disse o prefeito de Catalão.

Serão oferecidas 50 vagas anuais aos estudantes. O prefeito reforçou, ainda, que vai dar oportunidade para os universitários mais humildes financeiramente com a doação realizada este mês, pela prefeitura, de uma área de mais de 6 mil m² para a construção da Casa do Estudante.

Para o senador, Ronaldo Caiado (DEM) a Faculdade de Medicina também enaltecerá a Saúde do município. “Catalão é hoje referência em várias áreas, e com o curso de medicina, o município passa a coroar a importância da UFG formando profissionais qualificados distinguindo, ainda mais, a importância da cidade do cenário nacional, além de ter como objetivo dentro daquele aspecto que tanto Adib quanto eu nos formamos, que é qualificar bons médicos para o atendimento da nossa população do estado de Goiás e do Brasil afora”, disse.

Todos foram unânimes em ressaltar que este é um período de transição de uma Catalão industrializada, para uma cidade que também é educadora.